O Leviatã moderno e a potência do Ethos libertário

R$3,00
Cálculo de frete
Compartilhar

O Leviatã moderno e a potência do Ethos libertário
Paulo Marques

“Leviatã” é um monstro da mitologia da Idade Média que será utilizado como avatar do Estado absolutista pelo filósofo Thomas Hobbes para justificar seu conceito de poder centralizado e absoluto. Em sua obra “Leviatã”, Hobbes a Afirmava que a “guerra de todos contra todos” que caracterizaria um “estado de natureza” só poderia ser superada por um governo central e autoritário.

Ali na experiência de resistência ao poder do Leviatã vemos como máscara cai muito rapidamente. A Escola que nos discursos políticos aparece como “pública”, quando é ocupada pelo público (São Paulo) é logo criminalizada e o Leviatã moderno declara: " A escola é do Estado". Mais explícito que isso impossível.

16 pág.