ação direta

Exibindo 1–15 de 19 resultados

  • Zonas Autônomas – Coleção Hakim Bey 2/6

    R$24,00

    A TAZ é uma espécie de rebelião que não confronta o Estado diretamente, uma operação de guerrilha que libera uma área ( de terra, de tempo, de imaginação) e se dissolve para se re-fazer em outro lugar e outro momento, antes que o Estado possa esmagá-la.

  • Aos nossos amigos

    Oferta! R$48,00 R$38,00

    As insurreições chegaram, finalmente. E em tão grande número e em tantos países, a partir de 2008, que é o conjunto todo deste mundo que parece, fragmento após fragmento, desintegrar-se. Há dez anos, predizer uma sublevação expor-nos-ia à chacota dos bem-instalados; hoje, são aqueles que anunciam o regresso.

  • Nietzsche e o anarquismo

    R$8,50

    Nietzsche e a reflexão anarquista como encontro improvável, provocador e contraditório

  • Voto vs. Ação Direta

    R$1,00

    As pessoas se preocupam com as eleições em níveis nada saudáveis.

  • Violência, democracia e black blocs

    R$8,00

    O mais importante, portanto, está na transformação ética dos indivíduos que a revolta é capaz de provocar: nela, a revolução deixa de ser estéril e imobilizadora para tornar-se devir. Ignorar isso, é desconhecer a dinâmica política da revolta.

  • Questões de organização: 31 teses insurreccionalistas

    R$5,00

    O texto que se segue pretende retomar o debate sobre a organização desde uma perspectiva anarquista. Tema antigo, sempre presente, nunca terminado, ainda que haja tenha encontrado a certeza neste ou naquele modelo.

  • ai ferri corti

    Ai Ferri Corti

    R$17,00

    A insurreição é a rápida emergência de uma banalidade: nenhum poder pode manter-se sem a servidão voluntária de quem o tolera. Nada melhor que a revolta para revelar que quem faz funcionar a máquina assassina da exploração são os próprios explorados.

  • Preferi roubar a ser roubado

    R$28,50

    Preferi roubar a ser roubado é uma coletânea de vários autores. Aborda o ilegalismo uma expressão minoritária e marginal no anarquismo defensora do roubo das classes dominantes como forma de vida, de luta e de reparação.

  • Inflamando pensamentos insurgentes no gueto

    R$20,00

    O livro “Inflamando Pensamentos Insurgentes no Gueto” é uma introdução de pensamentos políticos focando na periferia, escrito de forma autônoma pelo rapper Rodrigo Santos Andreoti, integrante do grupo Ktarse.

  • Nenhuma paz vai nos proteger

    Nenhuma paz vai nos proteger

    R$3,00

    O pior preço pago pelo pacifismo talvez seja jogar a violência cada vez mais sobre as minorias e desempoderá-las quando mais precisam reagir para defender sua própria existência.

  • Tiqqun - Teses sobre a Comunidade Terrível

    Tiqqun – Teses sobre a Comunidade Terrível

    Oferta! R$52,00 R$50,00

    A Comunidade Terrível é terrível porque se autolimita, ainda que não repouse em nenhuma forma, porque não conhece o êxtase. Raciocina com as mesma categorias do mundo já-não-mundo, sem sequer ter razões para o fazer.

  • Balaklava

    R$26,00

    Os mega eventos e seu legado de leis de exceção, repressão a movimentos sociais e ameaça aos direitos básicos de diversas comunidades são exemplos de como o Capitalismo mundial precisa de pontos de ruptura para adaptar e tornar ainda mais brutais os aparatos através do qual suas classes dominantes mantêm o poder e o controle sobre nós.

  • Não existe governo revolucionário

    R$2,50

    O governo em si é uma relação de classe. Você não pode abolir a sociedade de classes sem abolir a assimetria entre governante e governado. A economia é apenas uma das muitas esferas em que os diferenciais de poder codificados são impostos por meio de construções sociais; a política é outra. A propriedade privada do capital é para a economia o que o poder estatal é para a política.

  • Entrevistas com anarquistas sobre o movimento dos coletes amarelos

    R$6,00

    Essas entrevistas “tem como objetivo provocar-nos, porque as posições e análises apresentadas são plurais e entram as vezes em contradição umas com as outras. Em todo caso, nos convidam a tomar parte da ação insurrecional, reafirmam que frente à violência quotidiana de um Estado que acredita ser todo poderoso, a passividade e o pacifismo não são uma opção válida”.

  • Os 36 estratagemas

    Os 36 estratagemas

    R$3,00

    As 36 estratégias apresentadas aqui são fruto de tradições orais populares da China antiga. Não são o trabalho de uma única autoria, como A Arte da Guerra – embora, mesmo no caso deste último, muitas pessoas também alegam que Sun Tzu não foi seu único autor. Com um pouco de criatividade, quase todas as estratégias podem ser aplicadas a praticamente qualquer situação, de guerrilhas expropriadoras à protestos de rua, de projetos auto-geridos à insurreições populares. Sendo assim, anarquistas também podem tirar proveito desse material.

Exibindo 1–15 de 19 resultados