Europa, modernidade e eurocentrismo

R$5,00

Neste texto, o filósofo latino-americano, Enrique Dussel, questiona o eurocentrismo através do qual a história mundial tem sido contada, demonstrando o caráter ideológico da construção da centralidade da Europa neste sistema.

Europa, modernidade e eurocentrismo
Enrique Dussel
36 páginas

Neste texto, o filósofo latino-americano, Enrique Dussel, questiona o eurocentrismo através do qual a história mundial tem sido contada, demonstrando o caráter ideológico da construção da centralidade da Europa neste sistema. Considera que somente com a chegada dos europeus à América que se inicia a Modernidade enquanto um sistema mundial de demarcação do eu e do outro, e das posições de centro e periferia que tratam de configurar o planeta como o “lugar” de “uma só” História Mundial.

Você também pode gostar de…