Divulgação Acadêmica Anárquica

Exibindo 16–30 de 182 resultados

  • Geografias subterrâneas

    R$26,00

    A palavra geografia guarda uma densidade de histórias não oficiais, relacionadas a produções, resistências e disputas por espaço no campo do saber oficial.

  • Crise política, golpe de estado e resistência

    R$11,00

    O golpe parlamentar de 2016 marcou o fim da hegemonia petista na política brasileira e a consolidação de uma nova época, onde ventos autoritários e fascistas rondam por todo o continente.

  • Queima teu celular

    R$12,00

    “Queima teu celular” é uma reflexão sobre como vivemos. Cada vez nos é mais comum a cena distópica em que todos ao nosso redor estão olhando para os celulares: jogando, checando o Facebook, trocando mensagens, aproveitando a promoção do momento para falar em excesso sobre nada.

  • Teoria queer

    R$7,00

    Uma nova dinâmica dos movimentos (e das teorias) sexuais e de gênero está em ação. É dentro desse quadro que a teoria queer precisa ser compreendida. Admitindo que uma política de identidade pode se tornar cúmplice do sistema contra o qual ela pretende se insurgir, teóricos/as queer sugerem uma teoria e uma política pós-identitárias

  • Ciberfeminismo

    R$24,00

    Desde que deixou os laboratórios das universidades e outros centros de pesquisa e tecnologia – tradicionalmente ocupados por homens cis, brancos, hetero, e membros da elite econômica –, a Internet se constrói como um local que, ao mesmo tempo, abriga (re)produção de discursos misóginos e tem o potencial de ser uma ferramenta poderosa para o enfrentamento daqueles mesmos discursos.

  • Para distinguir amigos e inimigos no tempo do antropoceno

    R$4,00

    Apesar de suas ciladas, o conceito de Antropoceno oferece uma via poderosa, se usado de maneira sensata, de evitar o perigo de naturalização ao mesmo tempo em que assegura que o antigo domínio do social – o domínio do “humano” – seja reconfigurado como sendo a terra dos Terráqueos ou dos Terranos.

  • Entender Gênero

    R$2,00

    Mas se olharmos mais de perto, podemos nos questionar sobre a natureza do gênero. A biologia, humana e outras, é maravilhosamente diversa.

  • Nas Entranhas da(s) Cidade(s)

    R$6,00

    Considerações sobre o movimento squatter no Brasil.

  • Recusando-se a Esperar

    R$4,00

    O Anarquismo pode aprender muito com o movimento feminista. Em muitos sentidos ele já tem aprendido.

  • Palestina, política de estado e o impasse anarquista

    R$8,00

    Estamos talvez mais familiarizados com a reivindicação de cidadania à medida que ela surge na fronteira estabelecida do Estado-nação.

  • Escritos Afugentáveis 1 – O educador mercenário

    R$30,00

    Educação Libertária é possível? O que é “Educação” para que seja possível adjetivá-la? Uma educação pode ser denominada educação se não for libertária? Uma educação libertária requer professores libertários? Quem seriam? Prescinde de professor? Por que a Educação Libertária é aceita nos espaços institucionais se ela se pretende anti-sistema?

  • Trilhas dos imaginários sobre os indígenas e demografia antiautoritária

    R$40,00

    Esta é uma tentativa de realizar um experimento de antropologia anarquista, juntamente aos Mebengokré (Kayapó). Percorre-se um caminho que relaciona as imagens construídas sobre os povos indígenas, suas classificações e articulações com os poderes e suas respectivas instituições desde os primeiros contatos da conquista. Logo vem uma reflexão sobre os desdobramentos dessas imagens e articulações na transformação das instituições políticas, na historia, no espaço e no território.

  • Felicidade

    R$3,00

    A felicidade é realmente possível em um tempo de ruína?

  • A poesia anarquista brasileira

    R$16,00

    Com sua sensibilidade o poeta apercebe-se da dor humana e a expressa em seus versos; celebra a natureza, às riquezas e as possibilidades da vida e dos homens.

  • Como se opor ao fascismo na cena do metal extremo

    R$1,00

    Muitas vezes a cena extrema / black metal não tem sido o local mais acolhedor para pessoas não brancas e / ou LGBTQIA. Essas pessoas gostariam de ir a shows de black metal e fazer parte da cena, mas muitas vezes não se sentem seguras pela presença consistente de racistas em shows e festivais. A forte presença de racistas no Black Metal chegou a produzir um subgênero completamente novo e autônomo: o infame NSBM (NS), ou National Socialist Black Metal.

Exibindo 16–30 de 182 resultados